AFTAS EM CRIANÇAS E ADULTOS

Não Por omnilife
 

Afta na língua e boca: o que é, sintomas, causas e como evitar

 

Aftas são caracterizadas por uma lesão arredondada ou ovalada, recoberta por uma membrana branco-amarelada e com uma mancha avermelhada em volta. Na maioria dos casos, as aftas surgem na língua ou nas paredes internas da boca, mas também podem ocorrem em qualquer ponto da cavidade bucal.

A afta também pode ser chamada de estomatite aftosa recorrente, que ocorre devido a perda do tecido normal da mucosa oral, sendo múltiplas ou única, provocando dor e desconforto.

Normalmente acomete mais as mulheres por conta de influências hormonais, mas alguns fatores contribuem para que venha acontecer, como alergias, predisposição genética, estresse e alteração nutricional. As feridas tendem a desaparecer naturalmente dentro de cinco a 15 dias e não deixam cicatrizes.

As aftas não são contagiosas, mas muitas vezes são confundidas com herpes, causado por um vírus contagioso. (1)

Tipos

As aftas podem ser divididas em três tipos: (3)

Estomatite aftosa menor

Esta é a forma mais comum, que afeta mais de 80% dos pacientes com afta. As feridas são geralmente pequenas (menos de 1 centímetro de diâmetro), cicatrizam em cerca de uma semana e não causam cicatrizes.

Estomatite Aftosa Maior

Esta forma mais grave afeta aproximadamente 15% dos pacientes com aftas. Essas feridas geralmente duram duas semanas ou mais e geralmente têm mais de 1 centímetro de diâmetro. Eles podem ser extremamente dolorosos e muitas vezes curam com cicatrizes.

Estomatite Aftosa Herpetiforme

Esta forma da doença é incomum, ocorrendo em menos de 5% das pessoas com aftas. Eles ocorrem como aglomerados de úlceras muito pequenas (menos de um milímetro em alguns casos) que às vezes se fundem para formar úlceras maiores. Eles geralmente curam em pouco mais de uma semana.

Além disso, as aftas existem outras duas formas:

  • Aftas traumáticas: Seriam úlceras ocasionadas por um trauma mecânico, sendo uma prótese dentária que não está adaptada corretamente, ou um fio de aparelho ortodôntico, por exemplo.
  • Aftas alérgicas: São provenientes de alguma reação alérgica, sendo algum medicamento ou alimento. A falta de vitamina B12 pode ocasionar ulcerações também.

Causas

Aftas são formas comuns de úlcera bocal, que costumam surgir em pessoas com baixa imunidade, seja ela causada por alguma doença específica ou por uso de medicamentos. Veja algumas dessas causas:

  • HIV/Aids: O vírus do HIV, que pode levar à Aids, ataca diretamente o sistema imunológico. Pessoas infectadas com esse vírus são mais propensas ao surgimento de aftas e elas costumam ser um dos primeiros sinais de ação do HIV no organismo
  • Câncer: a imunidade também abaixa quando o paciente tem câncer, principalmente por causa do tratamento realizado com radioterapia e quimioterapia
  • Diabetes: diabéticos não tratados ou com a doença mal controlada, a saliva costuma apresentar grandes quantidades de açúcar, que encoraja o crescimento do fungo
  • Infecções vaginais: o mesmo fungo causador da afta é o responsável por algumas infecções vaginais também. Apesar de não ser muito perigosa, esse tipo de infecção costumar causar mais problemas a mulheres grávidas, pois a doença pode ser transmitida ao bebê durante o parto.

Outros fatores podem desencadear no surgimento de aftas:

HIV/Aids: O vírus do HIV, que pode levar à Aids, ataca diretamente o sistema imunológico. Pessoas infectadas com esse vírus são mais propensas ao surgimento de aftas

  • Estresse emocional
  • Deficiência de ferro, vitamina B12 e ácido fólico na dieta
  • Período menstrual
  • Mudanças hormonais
  • Alergias a alimentos.

Fatores de risco

Qualquer pessoa pode desenvolver aftas, mas alguns fatores podem contribuir para o surgimento dessas feridas. Veja:

  • Idade: crianças pequenas costumam apresentar afta com mais frequência do que pessoas mais velhas
  • Imunidade baixa: algumas doenças ou medicamentos podem comprometer o sistema imunológico e, assim, facilitar o surgimento de aftas
  • Próteses bucais: pessoas que usam dentaduras apresenta feridas causadas pelo trauma, mas estas feridas não são aftas. Se ajustar a prótese a ferida desaparece
  • Problemas de saúde: outras complicações podem ajudar no surgimento de aftas, como anemia
  • Medicamentos: o uso de determinados tipos de medicamentos podem comprometer a imunidade e contribuir para o aparecimento de aftas na boca, como alguns antibióticos e corticosteroides
  • Câncer: o tratamento da maioria dos tipos de câncer costuma ser bastante invasivo. Métodos como quimioterapia e radioterapia quando em região de cabeça e pescoço pode surgir feridas que parecem com aftas, mas são conhecidas como mucosite
  • Histórico familiar: aftas também podem ser hereditárias.

Fonte: https://www.minhavida.com.br/saude/temas/afta

Resumo
AFTAS EM CRIANÇAS E ADULTOS | DESTAQUE SAÚDE
Nome do Artigo
AFTAS EM CRIANÇAS E ADULTOS | DESTAQUE SAÚDE
Descrição
Aftas são caracterizadas por uma lesão arredondada ou ovalada, recoberta por uma membrana branco-amarelada e com uma mancha avermelhada em volta. Na maioria dos casos, as aftas surgem na língua ou nas paredes internas da boca, mas também podem ocorrem em qualquer ponto da cavidade bucal. A afta também pode ser chamada de estomatite aftosa recorrente, que ocorre devido a perda do tecido normal da mucosa oral, sendo múltiplas ou única, provocando dor e desconforto.
Vagner Soares | Reginaldo Meira
Nome do editor
Destaque Saúde
Logotipo do editor

Comentários